Compartilhar

O caminho da digestão da comida no nosso corpo inclui um músculo chamado de esfíncter esofageano inferior (EEI), que abre e fecha para controlar a passagem dos alimentos do esôfago para o estômago. Mas, às vezes, ele não funciona como deveria, o que acaba permitindo que tudo que estava no estômago volte para o esôfago. Isso é chamado de refluxo gastroesofágico.

⠀⠀

Todos temos um pouco de refluxo leve ao longo do dia, principalmente depois de alguma refeição.⠀ Com os bebês, por exemplo, como a alimentação inicial é líquida por conta do leite, às vezes o refluxo causa aquele pequeno vômito ou regurgitação. Isso é bem comum entre os 2 e 4 meses, mas tem a tendência de diminuir com o passar do tempo.

⠀⠀

Já nos adultos, a doença do refluxo gastroesofágico pode causar ulcerações no esôfago, desgaste dos dentes, inflamações e outras alterações mais graves. O ideal é manter uma alimentação equilibrada, evitar o sobrepeso e procurar um acompanhamento com profissional especializado.