Compartilhar

Muitos exercícios localizados, tratamentos estéticos e um único pensamento: secar aquela gordurinha localizada. A cintura e a barriga são as áreas mais valorizadas no corpo feminino, por isso todo esse esforço tem sido cada vez mais o foco da mulherada.

O treinamento físico é o primeiro passo, mas adicionar uma dieta balanceada, rica em alimentos probióticos, frutos do mar e óleos funcionais ajuda a quebra das células de gordura. Então antes de fazer a lista de compras, dá uma olhadinha nos elementos que não podem ficar de fora do carrinho.

Abacate: composto de gordura monoinsaturada ele reduz a insulina – responsável por armazenar calorias extras. Ele também ajuda na sensação de saciedade, é indicado consumi-lo três vezes por semana.

Peixes e frutos do mar: ricos em ômega 3 – essencial para quebra das células de gordura e capazes de desenvolver elasticidade na pele. Recomenda-se consumir quatro vezes por semana.

Chá verde: ajuda eliminar gorduras estocadas e acelera a temperatura corporal, contribuindo para criar uma barriga lisinha. É indicado uma xícara de chá 40 minutos após o almoço e jantar.

Alimentos probióticos: iogurtes e leites fermentados, podem ser consumidos diariamente, de duas a três vezes.

Óleos funcionais: com eles as reservas de gorduras são reduzidas. O consumo deve ser de uma a duas colheres de sopa, sendo o óleo de coco o mais popular.´Óleos de sementes de gergelim, previnem o armazenamento de gordura corporal e enzimas responsáveis pelo acúmulo de gorduras no organismo.